quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

FOGACHOS DE LUME!...


Fotos do lugar dos Mosteiros-S.Miguel-Açores



O rescaldo do lume ainda me aquece
Deixando a mornidão de uma saudade!
Saudade que é uma sombra que arrefece
Com um sabor distante a mocidade!

Lá fora o silêncio amanhace
Desperto pela pouca claridade.
Começa por falar mas esmorece...
Sem chama já não há fogosidade.

O tempo vai passando e faz-se tarde.
A tocha da fogueira já não arde.
O silêncio já não fala, resfriado.

Evoco os tempos idos invernosos
e lembro uns olhos ternos desejosos...
com fogachos de lume incendiado!

Soneto & Fotos,

Fernanda Costa

Lisboa, 22 de janeiro de 2009
Posted by Picasa

30 comentários:

Cleo disse...

Que fotos magníficas. O soneto também.
Beijos Fernanda.
Cleo

Gilbamar disse...

Minha amiga Fernandinha, há luzes de fascinação no seu lindo sonheto, que parece ter saído de uma alma poética transbordando poesia. As fotos são um complemento de encher os olhos e emocionar.

Fraternal abraço do amigo Gilbamar.

M@ disse...

Lindas fotos, lindo poema.
Tudo lindo como a Fernandinha.
Belíssimo.
Beijinhos
Manuela

Desnuda disse...

Que maravilha, Fernandinha! Fotos e soneto. Sempre perfeitos!


Grande beijo

LOURO disse...

Querida Fernandinha,fotos e soneto
que complemento belissimo!!!
Parabêns...

Bom fim de semana

Beijinhos de carinho

Lourenço

Gleidston dias disse...

Uma junção perfeita,foto e soneto.
Um otimo dia pra voce Fernandinha.

bjsss

LUZIMAR disse...

Nossa que lindas as fotos e a poesia não precisa nem falar não é mesmo?


Beijos de amizade e carinho.

Pico minha ilha disse...

Luzes que nos encantam num belo soneto e numa foto de crer mais.Beijinhos amiga

manuel marques disse...

Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer;

É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder;

É querer estar preso por vontade;
É servir a quem vence, o vencedor;
É ter com quem nos mata lealdade.

Mas como causar pode seu favor
Nos corações humanos amizade,
Se tão contrário a si é o mesmo Amor?

Luís de Camões


Beijinhos de ternura.

ecos de palavras disse...

Que lindo soneto, minha querida Fernandinha.
Brilhos incandecestes, soltam a maravilha que há si.

Bom fim de semana.


Beijinhos

Daniel Costa disse...

Fernanda

O Soneto e belo, assim coma as fotos são deslumbrantes. A fotógrafa, parece especialista, a avaliar também pels ângulos escolhidos.
Beijos
Daniel

Eduardo Aleixo disse...

Lindas fotos e lindo soneto, como sempre, aliás. Lírico. Amoroso. Cheio de saudades, canta o teu coração, à beira dessa paisagem doce. Beijinho. Bom fim de semana. Eduardo

Pelos caminhos da vida. disse...

bjs.

Olavo disse...

Belas fotos..poema lindissimo PARABENS..
grande beijo
otimo final de semana

Gleidston dias disse...

Fernanda,
passa pelo meu canto tem um la uma prendinha pra ti.

bjsss

Bill Stein Husenbar disse...

Mais fotos belas amiga Fernanda.

Perfeito.

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

Marta disse...

As luzes das memórias e memórias felizes nunca se apagam....
Beleza de poema e fotos...
Obrigada pela visita...
Beijos e abraços
Marta

joyce domingos disse...

''O rescaldo do lume ainda me aquece
Deixando a mornidão de uma saudade!''

lindo e quente ....puro e doce^^

adorei^^

Betania Lisboa disse...

Olá Fernanda!
Lindissimo o Soneto, perfeitamente em harmonia com as fotos...
É possível fechar os olhos e viajar pela paisagem.
linda... linda...
Parabéns.
Beijinhos.

Vieira Calado disse...

Olá, Fernandinha!

Vim ler mais um soneto com o seu cunho pessoal, de que gosto, como já referi.

Daqui lhe envio uma beijoca.

Helena Paixão disse...

Que dizer? Fotos maravilhosas (a que já nos habituaste) acompanhadas por um soneto carregado de romântismo.

Beijinhos :-)

Saara Senna disse...

Parabéns pelo soneto e pelas belas fotos, tudo muito bom!
...
"Deixando a mornidão de uma saudade!
Saudade que é uma sombra que arrefece
...

Ah essa saudade... nossa!

Beijo grande :)

Eduardo Aleixo disse...

Obrigado pela tua visita e elogios. Ainda bem que gostaste. Beijo.
Eduardo

poetaeusou . . . disse...

*
a marca da fernandinha,
,
jino,
,
*

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Fernandinha...belo soneto...belas fotos...Espectacular...
Beijos

Ana Lucia disse...

Olá Fernanda!!
Viemos conhecer seu espaço, nos encantamos com ele, poemas que enchem nosso coração de ternura e imagens que enchem nossos olhos de beleza, td combinando, muito lindo mesmo, parabens!
Sentiremo-nos felizes com sua visita e amizade.

http://momentos-de-amor.zip.net/

http://fasciniusangels2.zip.net/

Tenha uma linda semana!!!

traços de um homem disse...

Belo seu blog,gostei muito e irei acompanhar você.
abraços

Cleo disse...

Oi Fernanda, vim deixar o selo aqui.
Beijos carinhosos.
Cleo

http://i418.photobucket.com/albums/pp262/Stardust_049/selos-premios/403145cpia.jpg

Carla disse...

fotografias de encantar
beijos e bom fds amiga

Adriano disse...

Puxa, te encontrei por acaso, que bom acaso!
Abraço respeitoso!

 
Home
©2010 Manu Layouts Templates Blogger